Sob nova direção Posto de Saúde na 38 inova no Outubro Rosa

Blog da Zuleika

Posto da 38 1
Um salão de beleza gratuito foi montado no Posto de Saúde, e se transformou numa grata surpresa às mulheres que foram em busca de consultas e marcação de exames na unidade de saúde localizada na QE 38 do Guará II. O evento fez parte do Outubro Rosa, que a Secretaria de Saúde do Distrito Federal, lançou no início do mês, visando um alerta geral às mulheres, sobre a segunda causa de morte por doença no país.
Para a nova gerente da unidade, que assumiu o cargo apenas há dois meses, todo movimento em prol da mulher é válido. “Estamos em uma área de grande vulnerabilidade social e é importante este passo em direção a elas.Cuidar da saúde não é só consulta e medicação.Uma autoestima elevada ajuda muito qualquer tratamento médico”, alerta a gestora Kelly Martins.
O evento contou com uma roda de conversa entre as mulheres com a presença de um mastologista ( médico especialista em câncer), para elucidar as dúvidas e dar as orientações e informações corretas. Muitas,aproveitaram a ocasião e realizaram o exame Papanicolau ( preventivo do câncer do colo do útero) e receberam pedidos de exames de mamografia, que é inserido no sistema da secretaria de Saúde e, no prazo máximo de 10 dias, é feita a chamada para realização do exame nos hospitais que possuem mamógrafos.
Paralelamente, o Salão Kaizen, da QE 40, disponibilizou um profissional para o corte dos cabelos e uma manicure para fazer as unhas das belas senhoras e senhoritas. Receita certa para a alegria das então pacientes. Exemplo de superação dos problemas pelos quais passa foi de Maria Martins, moradora da QE 40, foi procurar a unidade de saúde para consulta e medicação, por estar sentindo forte dores durante à noite. Após tomar uma injeção e ver o salão de beleza, foi a primeira a se colocar à disposição do cabeleireiro para dar uma mudança no visual. “Não estou me sentindo bem de saúde, mas minha autoestima já está em alta com esta oportunidade de cortar os cabelos com um profissional de qualidade. Cuidei da saúde e da minha beleza. Foi muito bom decidir vir aqui.Encontrei o que busquei e até o que não esperava.Os funcionários estão de parabéns”, disse à reportagem com alegria.
Não poderia faltar a dança que foi oferecida pela professora Thaisa Góes, que veio de Águas Claras, ensinar o que é seu projeto Dança em Movimento. Até os homens entraram no ritmo e foram aprender que requebrar o esqueleto faz bem para a saúde e para a alma. Torna a vida mais leve.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.